Durante uma cerimonia que teve lugar nesta segunda-feira 01 de agosto, no Hospital Regional Dr. Ramiro Figueira, decorreram as atividades que marcam a abertura de Semana Mundial de Aleitamento Materno 2022 em Cabo Verde.

296237630 403654088416323 1100599402595811997 nO Secretário de Estado Adjunto do Ministro da Saúde, Evandro Monteiro que presidiu o ato, considerou que Cabo Verde tem vindo a trabalhar estrategicamente através da promoção da saúde no desenvolvendo de condições adequadas para que os direitos das mães e dos seus filhos estejam assegurados nesta matéria.

Para isso, disse que foi criado e certificado a nível da região africana, o primeiro Banco de Leite Humano há 11 anos, em funcionamento no Hospital Dr. Agostinho Neto com 6 funcionários e que o país está a trabalhar para implementação e certificação do Baco de leite humano a nível da região de Barlavento, nomeadamente no Hospital Dr. Baptista de Sousa.

Referente aos ganhos aquele governante ainda elencou a existência de 02 postos de Colheita de Leite Humano, situados nos Centros de Saúde da Fazenda e de Tira Chapéu na Cidade da Praia.

“Implementamos a Iniciativa Hospital Amigo da Criança em Cabo Verde e neste momento temos 3 Hospitais acreditados, o HBS em São Vicente, HRSRV em Santiago Norte e o HRJM em Santo Antão.”

Segundo disse o objetivo é reforçar um dos pilares basilares das políticas públicas em saúde, tendo em conta as orientações das parcerias estratégicas e estreitas com a cooperação Brasileira, a OMS, a UNICEF, entre tantos outros.

De acordo com Evandro Monteiro Cabo Verde se afigura entre os poucos países a nível mundial com uma taxa de aleitamento materno superior a 60%, segundo dados de 2017, e entre os 3 a nível dos países de expressão portuguesa, sendo que a taxa de aleitamento materno exclusivo < 6 meses chega aos 42%. O objetivo é, até 2025, aumentar esta taxa para pelo menos 50%.

“Estes dados demonstram o reforço progressivo das políticas públicas em saúde, na implementação do programa nacional de nutrição com resultados importantes na salvaguarda da saúde da mãe e da criança, no seu desenvolvimento.”

A Semana Mundial de Aleitamento Materno 2022, assinala-se este ano sob o lema “Fortalecer a Amamentação: Educando e Apoiando” e o Ministério da Saúde através do Programa Nacional de Nutrição, dos Hospitais e Centros de Saúde em parceria com o Unicef e a OMS marca a semana com várias atividades que decorem de 01 a 07 de agosto, um pouco por todo o país e cada estrutura de saúde com palestras, conversas abertas ateliers de capacitação, ações de sensibilização e comunicação com a população e os grupos chave.

O objetivo desta efeméride da OMS é  

  1. INFORMAR - as pessoas sobre o seu papel fortalecendo a rede de apoio ao aleitamento materno;
  2. VINCULAR – o aleitamento materno como parte de boa nutrição, segurança alimentar e redução das desigualdades;
  3. ENVOLVER - pessoas e organizações ao longo da rede de apoio ao aleitamento materno;
  4. ESTIMULAR – ações de reforço da capacitação dos atores e sistemas para a mudança de comportamento.

 
 
Ministério da Saúde
Palácio do Governo - C.P nº 47
Cidade da Praia
Ilha de Santiago - Cabo Verde
Direitos de autor © 2022 Ministerio da Saúde. Todos os direitos reservados.