São, nesta primeira fase, profissionais da região de sotavento que estão sendo capacitados em Suporte Avançado de Vida (SAV) e Suporte Imediato de Vida (SIV), durante 3 dias, na capital do país. O Ministro da Saúde, Arlindo do Rosário que presidiu nesta manhã a abertura da formação disse que esta é uma ação fundamental que está enquadrado no âmbito do Programa Nacional de Emergência pré-hospitalar e hospitalar que se quer implementar em Cabo Verde.

1Z5A6275Pois segundo disse, quanto mais rápida for a intervenção nos casos de paragem cardiorrespiratória maior é a probabilidade de a pessoa sobreviver e recuperar-se. Por isso, a aposta do Governo em capacitar os profissionais nesta matéria e se priorizou primeiramente a área cardiovascular pois segundo afirmou representa as primeiras causas de doenças e de morte em Cabo Verde, sem prejuízo de posteriormente se avançar para outras áreas nomeadamente a de orto traumatologia e outros.

“A Formação que está a ser ministrada agora é para a região sul de Cabo Verde, ou seja, as ilhas de Maio, Santiago, Fogo e Brava e em outubro será alargada a região norte do país e é uma formação credenciada internacionalmente com certificado da união europeia em termos de capacidade de intervenção.”

De acordo com o Ministro, o governo está a trabalhar para criar um Centro de Treinamento em Saúde cujas as obras poderão arrancar dentro de pouco tempo. Trata-se de uma estrutura onde irá albergar 3 serviços nomeadamente a Delegacia de Saúde da Praia, o Centro de Diagnóstico da Praia e o Centro de Treinamento para realização de formações continua dos profissionais de saúde nas diferentes áreas.

As perspetivas do Ministério da Saúde é que até finais de 2023 este projeto já esteja executado para responder às necessidades de formação e capacitação continua dos profissionais, enquadrado no âmbito do Programa de Emergência Pré-hospitalar e da segurança sanitária.

O Ministro da Saúde congratulou-se com a parceria do Governo Regional da Madeira que através do protocolo assinado com o Ministério da Saúde de Cabo Verde agora está se materializando nesta ação de formação.

Para a Regina Rodrigues Condenadora do Curso da SESARAM da Madeira, é uma grande satisfação a parceria entre os dois territórios cujas semelhanças representam desafios e oportunidades comparadas com as outras regiões continentais, por isso relatou a importância desta ação de colaboração para partilha de conhecimentos, experiências e recursos por forma a melhorar a saúde das populações da Madeira e de cabo verde.

A formação em Suporte Avançado de Vida está a ser realizada pela Direção Nacional da Saúde através do Programa Nacional de Segurança do Doente em parceria com a OMS e a Escola SESARAM da Madeira, durante os dias 14 a 17 de julho, destinado a 36 profissionais de saúde entre médicos e enfermeiros. Esta formação do Suporte Avançado de vida tem certificação internacional.

 
 
Ministério da Saúde
Palácio do Governo - C.P nº 47
Cidade da Praia
Ilha de Santiago - Cabo Verde
Direitos de autor © 2022 Ministerio da Saúde. Todos os direitos reservados.