O Diretor Nacional de Saúde, Jorge Noel Barreto afirmou que é preciso trabalhar em conjunto para que de forma sinérgica se possa melhorar as condições e fazer uma abordagem multissectorial da saúde mental em cabo verde.

245249234 3679308505627079 5247742974818061274 nJorge Noel Barreto falava na sessão de abertura do Seminário intitulado “Saúde Mental e desigualdades em saúde”, por ocasião da Dia Mundial da Saúde Mental, que se assinalou a 10 de outubro, e realizada hoje, 11 de outubro pelo Instituto Nacional de Saúde Pública em parceria com a Direção Nacional da Saúde.

O dirigente sublinhou que o Ministério da Saúde juntamente com os parceiros vem ao longos dos tempos realizando atividades e elaborado documentos para que a saúde mental possa ter melhorias e “tenha dias melhores”. Como é exemplo do plano estratégico para saúde mental que abrange o período de 2021/2025, em que aborda o individuo em todas as fases da sua vida. "No mesmo plano envolve ainda outros sectores que tem uma influência importantíssima, pois a saúde mental resulta de influência de vários fatores" saliento.

Por seu turno, o Administrador Executivo, Júlio Rodrigues, explicou que a desigualdade na saúde mental sobretudo no contexto da pandemia, tornou-se cada vez mais complexa. E é neste sentido, conforme explicou Rodrigues, que este seminário permite aos diversos intervenientes possam encontrar as melhores repostas possíveis a nível da saúde mental. “Acredito que se estamos em alguma posição privilegiada para defender a saúde das populações, temos que o fazer com profundidade e seriedade”.

Na visão a Organização Mundial da Saúde, representado pela Edith Pereira, considerou que esta data é aproveitada para incitar os governos a investirem nos determinantes sociais da saúde mental e a trabalharem com os grupos da sociedade civil e o sector privado no sentido de reforçarem os serviços de saúde mental nas comunidades.

Enaltecendo a mensagem da Sra. Diretora Regional da OMS para a África, Matshidiso Moeti, alusivo ao dia em que se apela para que todos falem sobre problemas de saúde mental e partilhem boas práticas, como socializar, ter uma boa noite de sono, fazer refeições saudáveis e definir objetivos diários.

 

O referido seminário acolheu a apresentação dos seguintes temas:

Dr. Daniel Silves Ferreira_ Psiquiatra –Moderador

O impacto da pandemia na saúde mental em cabo verde

Dra. Jaclin Freire - Assessora do Ministro da Saúde

Saúde mental e desigualdade social: Determinantes sociais da saúde

Dra. Belmira Miranda - Coord. Nacional do Prog. de Saúde do Adoslescente

Estigma social e transtorno Mental

Dr. Aristides da Luz - Coord. Nacional do Programa de Saúde Mental

Desafios atuais da família no contexto da saúde mental –

Dra. Suely Carvalho - Assistente social

Estratégias de promoção de saúde mental e prevenção de transtornos mentais

Dr. José António dos Reis - Presidente da associação A PONTE

 

 

Ministério da Saúde e da Segurança Social

 
Palácio do Governo - C.P nº 47
Cidade da Praia
Ilha de Santiago - Cabo Verde
 
Direitos de autor © 2021 Ministerio da Saúde. Todos os direitos reservados.