Cabo Verde, dadas as características de vulnerabilidade geográfica, social e económica tem propensão a ocorrência de vários eventos de saúde pública e, por outro lado, a existência de uma grande mobilidade da população para Cabo Verde de países com doenças endémicas transmitidas pelo mosquito vector aumenta o risco de introdução das doenças com potencial epidémico.

centro

Neste contexto, o Centro Nacional de Operações de Emergência em Saúde Pública e o Laboratório de Controlo de Qualidade de Água e Alimentos inaugurados na tarde desta quinta-feira, 6, pelo Primeiro-ministro de Cabo Verde, “vêm dar conteúdo aos espaços marcando a diferença na qualidade dos serviços em Cabo Verde”. De acordo com Ulisses Correia e Silva, a estabilidade política e social, mas também os baixos riscos sanitários estão entre os grandes ativos do país no seu posicionamento externo. Pelo que estas inaugurações vêm reforçar esta posição e melhorar cada vez mais os índices de Cabo Verde em saúde pública, cumprindo os regulamentos sanitários internacionais.

“São importantes instrumentos no reforço do sistema de deteção precoce, capacidade de monitorização, alerta e coordenação das intervenções em situações de emergência nomeadamente em casos de epidemias de Dengue ou do Zika, assim como na mitigação de riscos para a saúde em geral”, sustentou o primeiro-ministro, afirmando que, na mesma linha, aprovou-se em Conselho de Ministros uma Resolução para a criação de uma Instância Nacional de Coordenação, como uma plataforma de coordenação dentro da abordagem “Uma só saúde” representando um passo importante na resposta às emergências em saúde pública.

E a criação do Centro de Operação de Emergência vem reforçar os sistemas de deteção precoce, incrementar a capacidade de monitorização de indicadores e sinais de alerta, promover a comunicação em matéria de resposta, intensificar a respetiva capacidade de coordenação, oferecer uma organização flexível na atenção de incidentes de qualquer tamanho e complexidade, e uma estrutura de gestão eficiente. Este também terá como missão decisões ao mais alto nível, em caso de emergência em saúde publica onde se faz a monitorização cuidadosa da evolução dos efeitos produzidos por uma epidemia e se definem também as ações necessárias para dar resposta efetiva e oportuna às necessidades derivadas de emergência.

O Centro Nacional de Operações de Emergência em Saúde Pública e o Laboratório de Controlo de Qualidade de Água e Alimentos estão instalados no Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP), na cidade da Praia.

Ministério da Saúde e da Segurança Social

 
Palácio do Governo - C.P nº 47
Cidade da Praia
Ilha de Santiago - Cabo Verde
 
Direitos de autor © 2019 Ministerio da Saúde e da Segurança Social. Todos os direitos reservados.