O Conselho Nacional de Saúde e da Segurança Social esteve reunida na passada sexta-feira onde fizeram a apreciação da política nacional da saúde. O encontro serviu para fazer o balanço de atividade deste ano e meio de governação, bem como das políticas que estão sendo implementadas pelo governo, nessa legislatura. Foi ainda apresentado o Plano Estratégico do Desenvolvimento Sustentável (PEDS), para o sector da saúde, assim como os relatórios estatísticos. “Os serviços do Ministério da Saúde e da Segurança Social, em termos de evolução e dos principais indicadores, estão num bom caminho. Há ganhos nos principais indicadores, há situações onde nós devemos continuar a reforçar a nossa atenção, como a questão da luta anti vetorial e a avaliação do programa HIV SIDA”, diz o Ministro da Saúde e Segurança Social, Arlindo do Rosário adiantando que vai se avançar com o estudo de prevalência do HIV Sida na população. O governante destacou ainda a necessidade de reforçar a atenção à luta anti vetorial, defendendo uma melhor comunicação e divulgação dos dados sobre esta questão e evitar criar alarmismo na população. Em termos do Plano Nacional de Desenvolvimento Sanitário 2017/2021, o Ministério está em fase de concluir a avaliação do plano findo, sendo que vai ser lançado agora o novo plano, que refletirá o reforço público em todo o ciclo de vida da pessoa, dos cuidados de saúde, das infraestruturas e da prestação dos cuidados de saúde, do acesso, mas, também que trará uma perspetiva de uma melhor complementaridade entre o público-privado. “É um plano que de fato se desenvolve um sistema de saúde integrado, que tem como setor público, um setor importante, mas também, que tem o sector privado com linhas bem definidas para se desenvolver”, explica Arlindo do Rosário.

Ministério da Saúde e da Segurança Social

 
Palácio do Governo - C.P nº 47
Cidade da Praia
Ilha de Santiago - Cabo Verde
 
Direitos de autor © 2017 Ministerio da Saúde e da Segurança Social. Todos os direitos reservados.