O concurso é realizado pelo Ministério da Saúde e da Segurança Social[1], coordenado e supervisionado pela Direção Nacional da Administração Pública (DNAP), de acordo com os princípios e procedimentos aplicáveis aos concursos para recrutamento e seleção de pessoas na Administração Pública, estabelecidos no Decreto – Lei nº 38/2015 de 29 de julho, art.10º da Lei nº 20/IX/2017[2], conjugado com o art.º 49º da Lei de Bases da Função Pública, aprovado pela Lei nº42/VII/2009, art.º 20º do PCCS aprovado pelo Decreto-Lei nº 9/2013 de 26 de fevereiro, e com as regras constantes da Diretiva nº 01/DNAP/2018, conforme se apresenta no quadro abaixo:

Formação Académica/Habilitações Literárias

Cargo/

Função

Nº de Vagas

Tipo de Vínculo[3]

Quota para deficiente[4]

Remuneração Bruto

Licenciatura em Enfermagem

Enfermeiros Graduados

179

Nomeação

5%

68.121$00

  • Perfil do candidato[5]
  • ­­­­­­­­­­­­ Habilitações literárias mínimas de Licenciatura em Enfermagem;
  • Robustez física e perfil psíquico adequados ao exercício da função;
  • Nacionalidade Cabo-verdiana, ou outra em caso de não encontrar competências nacionais;
  • Apresentar os documentos exigidos no regulamento do concurso;
  • Boa capacidade de comunicação e relacionamento interpessoal;
  • Capacidade de organização e iniciativa;

[1] Indicar o Ministério.

[2] Inserir a referência da Lei que aprova o Orçamento para o ano económico em que é lançado o concurso.

[3] Indicar a forma de vínculo: se por nomeação ou por contrato de trabalho (mencionar na segunda modalidade se for em regime de substituição).

[4] Esta menção é obrigatória quando o número de vagas no concurso seja igual ou superior a 10. Neste caso, o regulamento deve prever uma quota de 5% para candidatos com deficiência comprovada por documento médico oficial.

[5] Preencher conforme o perfil do candidato que se pretende para o cargo a ocupar.

  • Boa capacidade de trabalho em equipa;
  • Responsabilidade e Ética profissional;
  • Capacidade de resistência ao stress;
  • Conhecimentos de informática;
  • Disponibilidade imediata para trabalhar em qualquer parte do território nacional.
  • A verificação parcial e total dos requisitos de admissão poderá ser feita no momento do ingresso.
  • Forma de apresentação de candidatura
  1. A submissão de candidatura é efetuada preferencialmente através de suporte eletrónico, na plataforma LimeSurvey em uso na Direção Nacional da Administração Pública, devendo o candidato guardar o respetivo comprovativo.
  2. As candidaturas efetuadas em suporte papel, devem ser apresentadas nas instalações da DNAP sito no edifício do Ministério das Finanças devendo o candidato guardar o respetivo recibo.
  3.  
  • Prazo da candidatura

O prazo de submissão de candidatura é de no máximo de 10 dias corridos a contar do dia seguinte ao da publicação do edital de concurso no site www.dnap.gov.cv , página eletrónica da Direção Nacional Administração Pública, DNAP

  • Publicação dos resultados

Os resultados de cada etapa serão obrigatoriamente publicados no site da DNAP - www.dnap.gov.cv .

  • Esclarecimentos
  1. Para esclarecimentos relativos à submissão da candidatura, o candidato deverá contatar a DNAP através dos seguintes números de telefone: 3337317/3337376;
  2. Para esclarecimentos sobre os demais aspetos do concurso o candidato deverá contactar o ponto focal para recrutamento no Ministério da Saúde e da Segurança Social através dos seguintes números de telefone: 26101508 ou através do endereço eletrónico.
  3.  
  • Publicação do Regulamento do concurso

O regulamento do concurso é publicado no site da DNAP, www.dnap.gov.cv.

O DGPOG

 

 

Ministério da Saúde e da Segurança Social

 
Palácio do Governo - C.P nº 47
Cidade da Praia
Ilha de Santiago - Cabo Verde
 
Direitos de autor © 2018 Ministerio da Saúde e da Segurança Social. Todos os direitos reservados.